Arquivo da tag: gesso cola

Aprenda a instalar molduras de gesso e valorize teto e paredes

Matéria da Revista Casa (clique no link para visualizar direto do site da revista).


Nós revelamos os segredinhos da execução do rodateto e provamos que é muito fácil fazer o serviço sozinho


É possível dar uma de gesseiro de fim de semana e fazer a instalação de todo o rodateto sem a necessidade de mão de obra especializada. Claro que há segredinhos de execução que respondem pelo serviço impecável – mas nós desvendamos todos eles para você! O único inconveniente é a sujeira, inevitável com ou sem profissional na jogada.

imagem retirada do site casa abril
imagem retirada do site casa abril
imagem retirada do site casa abril
imagem retirada do site casa abril

Elemento tradicional da decoração de interiores, as molduras que arrematam o encontro das paredes com o teto permanecem em alta e se revelam uma alternativa mais em conta na comparação com as sancas. Apesar dos orçamentos salgados para a colocação, as peças são baratas – um modelo simples, de 1 m, custa em média R$ 2. “A mão de obra encarece a soma: o serviço é cobrado por metro linear e não sai por menos de R$ 300, que é a taxa mínima para São Paulo”, afirma Ulisses Militão (na foto), proprietário da loja virtual Qual o Segredo do Gesso?. A pedido de MINHA CASA, o gesseiro ensina o caminho das pedras e mostra o passo a passo da instalação para você fazer sozinho e economizar.

Descubra os truques dos profissionais para um serviço bem-feito

Fique com a dica do especialista Ulisses Militão: o bom resultado da execução é conquistado com o gesso ainda úmido. Por isso, compre-o 24 horas antes ou até mesmo no dia da colocação. “A peça seca corre o risco de empenar”, alerta. Outra medida esperta é raspar o verso e as laterais das baguetes antes de assentá-las. Isso porque os fabricantes untam a superfície para impedir que o gesso pronto grude na mesa onde é confeccionado. “Ao desgastá-las, elimina-se essa proteção e obtém-se mais porosidade, fator importante para a aderência da cola”, explica o gesseiro. E cuidado com o manuseio, visto que os modelos se quebram facilmente. Por fim, saiba que, após a instalação, será preciso repintar o cômodo, pois a massa que fixa as molduras, assim como a tinta que lhes dá acabamento, certamente mancharão o teto e as paredes.


 

Acerte na escolha do modelo de moldura

“As baguetes de design reto são tendência e deixam qualquer espaço chique e contemporâneo”, aposta a arquiteta Joia Bergamo, de São Paulo. Ela aconselha a fugir das ornamentadas, carregadas de detalhes e curvas, que imprimem um ar antigo, e também das magrinhas demais. Mas não deixe de considerar as dimensões do ambiente para determinar a largura das peças, como pondera a arquiteta paulistana Andrea Pontes: “Cômodos muito grandes e com pé-direito alto permitem acabamentos maiores”. Já as áreas pequenas… “Elas ficam mais harmoniosas com faixas que tenham até 15 cm”, orienta. As cores podem variar, embora a maioria das pessoas faça questão do branco, que proporciona um visual clássico. “No entanto, se o espaço for pintado de um tom forte, e você não quiser atrair todos os olhares para o rodateto, não hesite em tingir a moldura com a mesma tonalidade das paredes”, defende Andrea.


“Preços pesquisados em 30 de agosto de 2013, sujeitos a alteração”. No GessoParaTodos você ainda encontra molduras de R$1,80 o metro nesta data de publicação deste artigo. 20/07/2016


Matéria retirada do site http://casa.abril.com.br/materia/aprenda-a-instalar-molduras-de-gesso-e-valorize-teto-e-paredes, na data de 19/07/2016.